OPINIÃO: Programas com voz vieram para ficar? - Audiencia Pixelada
Dá uma olhadinha na minha opinião a respeito;

Noticia publicado por: .::BOMBARDO::. em 25/03/2017 10:02
OPINIÃO: Programas com voz vieram para ficar?

                Embora a crise que todo ano se repete no período letivo com a falta de vídeos, esse ano a coisa está diferente pois algumas emissoras, especificamente Rede Globo e Record Internacional, estão investindo e inovando em algo que até pouco tempo era inimaginável para grande parte da TV: programas com voz, algo que teve início com –Strick na sua Record há uns 5/6 anos atrás.

                 A coisa começou a mostrar força com o investimento feito por Franekman para traz Ap.LucasBelber e seu programa “Show do Poderoso” para sua emissora que segue firme todo domingo na grade emissora. Na minha opinião, já deixando claro aqui, o programa evoluiu muito nas ultimas 2 edições, isso por que Belber se encontrou no entretenimento e começou a dar foco em entrevistas, deixando de ser um programa que “cobria barracos” da Tv, sem dúvidas um GRANDE acerto.

                Há dois dias atrás tivemos também a estreia do programa “Sou Dessas”, da Record Internacional, apresentado por BNDO que promete ser diferente de qualquer coisa que já teve na Tv e com a exibição do programa piloto ficamos com a curiosidade atiçada pelos próximos programas que inclusive mostrou qualidade como sincronia entre as falas do personagem e a voz – algo que tanto BNDO quanto lucasr@dical fazem de maneira surpreende -, embora ainda tenha muito a melhorar como enquadramento de imagem.

                Depois de várias tentativas na TVsfera, parece que os programas com voz estão realmente ganhando espaço e embora seja algo bacana, acredito eu que não serão todas as emissoras que terão programas com tal recurso afinal, não é simples encontrar alguém que tenha disponibilidade de gravar voz, criar um roteiro interessante - algo que não é fácil fazer com programa sem voz, imagine com que o trabalho é dobrado – e muitas vezes até mesmo editar.

                Por fim, a TVsfera precisava de algo novo para conquistar um público novo e dar voz aos apresentadores (literalmente) pode ser exatamente esse “novo” que precisávamos, sempre armados de uma grande divulgação. Se veio para ficar? Só o tempo dirá

Essa publicação não representa a opinião do Audiência Pixelada e todo o conteúdo aqui publicado é de responsabilidade do autor

Dr,.Pedro
Bom, ao meu entender, você fala no seu ''pequeno'' texto que as emissoras deveriam mudar em relação aos programas, buscando ao de novo, que esse esse ''novo'' seria dar voz literalmente aos apresentadores. Eu achei muito interessante, ao muito bacana. Mas vou por uma questão em pauta. Aí algumas emissoras começam a fazer isso, aí os primeiros que fizeram pode achar que estão pegando a ''idéia''deles, ou falando que é inveja (Como a Globo pode falar, ou a Record). Aí Bombardo quero lhe fazer uma pergunta, se a Station começa a fazer programa de voz, e algumas dessas emissoras que citei questionar, qual seria sua resposta?
.::bombardo::.
Então Pedro, primeiro eu ficaria muito surpreso e depois analisaria bem o programa. Utilizar o recurso de VOZ nos programas não é copia e logico, estamos um ramo onde se tem grande concorrência e é obvio que se algo dá certo em uma, as outras naturalmente vão tentar embarcar na onda. Eu sinceramente não sei o que responderia, mas defenderia o programa da minha emissora se claro o formato for diferente do que estão acusando.
:Penguinbr
Bom, vamos lá. Eu gosto de chamar os investidores dessa ideia de "TV 2.0", pelo fato de estarem levando a TV a um novo patamar, uma mistura de real com virtual que dá muito certo, por final. Eu venho batalhando por esse formato há muito tempo. Infelizmente, os antigos donos de emissora não têm uma mente aberta à ideias ou acham que elas dão muito trabalho e pouca visualização, bom que quebraram a cara agora. Acho que, uma emissora séria tem que ter no MÍNIMO um cenário em Chroma Key, hoje. As emissoras que forem deixando essas inovações de lado e vivendo do antigo por ser mais cômodo vão perder muita audiência. O formato em voz veio sim para ficar e estimo que no mínimo 50% dos programas de todas as emissoras vão utilizar esse formato até o final do ano, em uma visão até um pouco pessimista. Quando não utilizarem de vozes reais, se utilizarão de voz geradas (voz de bot como a XTV). Gostaria também de ver o AP utilizando desse formato logo em breve, principalmente em editoriais como este que o Bombardo escreveu, ao menos semanalmente.
1 usuário online... Solitário :S
EM BREVE!